*******

*******
A SAUDADE É A NOSSA ALMA DIZENDO PARA ONDE ELA QUER VOLTAR...

quinta-feira, 13 de março de 2008

Sem querer

- O que era isso?
- Um pedaço de chão.
- Onde está?
- Perdi-o.

6 comentários:

Jay disse...

Pois assim é
fica sem comer
porque meninas que ao Porto vão
não degustam bons jantares
não...

Bom fim de semana
e boa viagem de volta.

Miss Keatch disse...

Quer com isto dizer que houve um jantar melhor no qual não estive presente?
É favor remediar já a situação; pois estou de volta à capital. Se bem que tem de ser jantar levezinho; ainda se me revolve no estômago a francesinha comida à dois dias...

Bom fim de semana

Miss Keatch disse...

Cuzcuz?

Jay disse...

Só nós dois é que não nos fartamos!

Fazes tu?..
Com o teu leve toque
de genuína riqueza
que faz voar a andorinha
por ascendentes correntes.
Talvez um dia pouse
em vales desconhecidos
e pela liberdade se detenha
buscando o que não encontrou...


Já se estão aqui a fazer ao bife, connosco com cozinheiros!!
Mas, sim...

Jay disse...

By the way...
Muito giro o teu corte de cabelo e as tuas ébrias imitações de gente que se diz famosa!

Bairro?

Miss Keatch disse...

Oh; já não vou a tempo de contretizar este convite... Mas como nunca nos fartamos podemos combinar a qualquer altura e podem vir todos os que se fazem ao bife; não gostamos de deixar ninguém com fome, pois não?
E sim, eu fico sempre bem em ébria, especialmente a fazer imitações tolas...
O bairro, como os couscous, também fica para outro dia...

"Inscrição sobre as ondas"

Mal fora iniciada a secreta
viagem,
um deus me segredou que eu não iria só
Por isso a cada vulto os sentidos reagem,
supondo ser a luz que o deus me segredou.

D. Mourão-Ferreira